Descubra as origens de diversos tipos de danças da Região Sudeste conferindo a lista abaixo:

Espírito Santo (ES)

Dança do Tamanduá

Homens e mulheres formam uma roda com uma pessoa no centro e realizam coreografias de acordo com o que é executado por quem está no meio. As músicas que embalam os dançarinos são improvisadas e começam com um cantador.

Minas Gerais (MG)

Caxambu

Essa dança é realizada por homens e mulheres que não necessitam estar em duplas. É formada uma roda e uma pessoa fica no centro executando coreografias. São diversos cantos entoados com a ajuda de tambores feitos com troncos de árvores.

Mineiro-pau

É realizada por homens de todas as idades que usam bastões de madeira. Os dançarinos alternam entre círculos e fileiras e dançam ao som das batidas no chão. Essas batidas recebem o nome de 'batida de quatro', 'batida no alto', 'batida embaixo, dentre outras.

Rio de Janeiro (RJ)

Samba

O samba é uma dança e gênero musical trazido pelos negros para o Brasil. Inicialmente, ele chegou à Bahia e depois ganhou mais espaço e reconhecimento em outros estados brasileiros e, principalmente, no Rio de Janeiro. Foi nessa localidade que ele passou a agregar outras danças em suas características como o maxixe, a polca e o xote.

Samba de Roda: Surgiu na Bahia e é uma das vertentes do samba. Os dançarinos ficam em uma roda e entoam cantos e batem palmas. São usados instrumentos como o berimbau, atabaques, chocalhos e pandeiros.

Xiba

A xiba é executada com o uso de tamancos específicos e há a formação de círculo duplo formado por homens e mulheres. As mulheres cantam repentes e os homens batem os tamancos que fazem muito barulho.

São Paulo (SP)

Jongo

Essa dança é uma herança dos negros e é marcada por formar uma roda de homens e mulheres. Um solista canta uma canção e as outras pessoas batem palmas e fazem movimentos. Os instrumentos musicais utilizados são tambores e chocalhos.